O trabalho temporário como resposta à imprevisibilidade das empresas

O momento atual de imprevisibilidade, que Portugal e o mundo vivem, exige uma resposta de resiliência, flexibilidade e adaptação à permanente mudança, por parte das empresas e das pessoas que nelas trabalham.

O trabalho temporário é uma ferramenta de gestão de recursos humanos importante para as empresas que procuram suprir necessidades pontuais de mão de obra e responder à imprevisibilidade dos mercados, ajustando a capacidade produtiva das empresas em função dessas oscilações e necessidades.

O recurso ao trabalho temporário pode ser por diferentes motivos, nomeadamente em tarefas precisamente definidas e não duradouras, restruturação de processos ou das estruturas empresariais, acréscimos pontuais de produção, substituição de baixas médicas, licenças parentais, resposta a atividades sazonais, vacatura de postos de trabalho, entre outros.

Para responder à instabilidade que a pandemia Covid19 gerou nos mercados e produção das empresas é possível recorrer a mão-de-obra pontual através do trabalho temporário, cabendo às empresas de trabalho temporário um papel essencial na resposta a estas necessidades.

Cabe às empresas selecionar os fornecedores da prestação de serviços de Trabalho temporário, legalmente habilitados para o efeito.

Atendendo à corresponsabilização que a lei impõe à empresa que utiliza trabalho temporário, para sua salvaguarda, é fundamental que a seleção do prestador de serviços seja criteriosa, assegurando que este cumpre os requisitos legais para o exercício da atividade e que proporciona aos colaboradores temporários condições semelhantes aos colaboradores permanentes, no que respeita a direitos e deveres.

O IEFP mantém atualizado e disponibiliza online, no site, para acesso público, o Registo Nacional das Empresas de Trabalho Temporário onde é possível fazer a pesquisa das empresas licenciadas, das que têm suspensão da atividade a pedido da empresa, caducidade, cessação, revogação da licença, suspensão da atividade por incumprimento ou aplicação de sanção acessória, com indicação, face a cada uma, da sua denominação completa, domicílio ou sede social e número de alvará.

A Ditame exerce a atividade com a sua constituição jurídica GRHUA – Empresa de Trabalho Temporário e Gestão de Recursos Humanos, Lda, que possui alvará nº 303, desde 2000 e reúne os requisitos legais requeridos, nomeadamente:

• Idoneidade;
• Estrutura organizativa adequada;
• Situação contributiva regularizada perante a administração tributária e a segurança social;
• Denominação social que inclua a designação "trabalho temporário";
• Caução a favor do IEFP que garante a responsabilidade pelo pagamento das remunerações e demais encargos com os trabalhadores temporários;
• Diretor Técnico com habilitações e experiência na área de recursos humanos superior ao exigido;
• Seguro de responsabilidade civil e de acidentes de trabalho.

Na Ditame, a gestão do cliente e dos colaboradores é feita por um consultor especializado, que garante o acompanhamento de todo o processo de gestão de trabalhadores temporários, nomeadamente o recrutamento, seleção, coordenação dos procedimentos, gestão administrativa, apoio jurídico e pagamento de remunerações e apoio na recolocação dos colaboradores face a términos de contrato.

O trabalho temporário permite às empresas a redução de custos, otimização de tempo, liquidez financeira e suporte legal. Aos colaboradores, permite a reentrada no mercado de trabalho, por vezes, pontual, mas que pode despoletar outras oportunidades de caráter permanente. No âmbito de um contrato de trabalho temporário, o colaborador estabelece um vínculo contratual fundamental para assegurar os direitos no decorrer da contratação e a proteção social após o término do contrato.

Conte connosco para recorrer à gestão de trabalho temporário. Somos uma empresa portuguesa, legalmente autorizada para o exercício da atividade, cujo alvará tem 20 anos. Temos experiência de trabalho com vários setores da indústria e serviços, no setor público e privado. Ajustamentos a gestão contratual de acordo com o praticado em cada cliente, procurando proporcionar aos colaboradores temporários as mesmas condições de trabalho, de remuneração, de formação e de segurança.

Temos escritórios em Lisboa, Porto e Aveiro. Contacte-nos para mais informações: 213 404 602 (Lisboa) • 221 201 431 (Porto) • 234 100 001 (Aveiro

Localização